Até onde podem ir os guerreiros do Minho?

A inteligência emocional bracarense pode ser o segredo para o apuramento

Arsenal, Shakhtar Donetsk e Partizan de Belgrado são os adversários do Sp. Braga no grupo H da Liga dos Campeões. A equipa de Wenger parte, naturalmente, como favorito do grupo, com o Shakhtar e o Braga a disputarem a outra vaga que resta, sendo que o Partizan poderá ter também algo a dizer! A equipa inglesa tem em Cesc Fabregas, Van Persie, Marouane Chamakh e Arshavin os seus principais destaques individuais e são eles que potenciam uma dinâmica ofensiva encantadora para os adeptos do bom futebol. Arséne Wenger anda também a lapidar duas pérolas inglesas, Theo Walcott e Jack Wilshere, jogadores que chegaram ao clube com o rótulo de jovens promessas, mas que para se tornarem jogadores completos no futuro necessitam de encontrar técnicos como este francês! A zona mais fraca desta equipa é o sector defensivo, que foi reforçado esta semana com a contratação do central Squillaci ao Sevilha. Clichy e Sagna são dois laterais muito ofensivos, evoluídos tecnicamente, mas que, por subirem demasiadas vezes no terreno, desequilibram a equipa na transição defensiva. Mas o maior problema está mesmo na baliza, onde Almunia e Fabianski continuam a não inspirar qualquer tipo de confiança!

Passando ao "adversário directo" da equipa portuguesa, posso dizer que o Shakhtar Donetsk é rei e senhor na Ucrânia, esta equipa possui excelentes jogadores, Pyatov é o guardião, Dmytro Chygrynskiy o defensor, Alex Teixeira o acelerador, Jadson o criativo e Luiz Adriano o finalizador. É também preciso uma especial atenção aos lances de bola parada quase sempre cobrados pelo croata Darijo Srna, o seu compatriota Eduardo da Silva é também uma ameaça para a baliza adversária. A equipa orientada pelo romeno Mircea Lucescu, vencedores da Taça UEFA em 2008/2009 é, sem qualquer dúvida, um adversário dinâmico, ofensivo e que não tem medo de jogar no meio-campo adversário, tal como se viu na Supertaça Europeia do ano passado frente ao Barcelona, onde foi necessário prolongamento para a equipa de Guardiola levar o troféu para casa. A equipa bracarense deverá utilizar da melhor forma possível os seus ataques rápidos contra esta equipa, tal como fez com o Sevilha, uma vez que o Shakhtar gosta de se balancear para o ataque, podendo como é óbvio matar o jogo ou ser surpreendido pelo adversário. Sinceramente, penso que este estilo de jogo agrada a Domingos Paciência e aos seus guerreiros!

Em relação ao Partizan, tenho que realçar o excelente patriotismo existente, a grande maioria dos jogadores são sérvios, mas são também uns desconhecidos para o público em geral. Para além do português Moreira, a equipa treinada por Aleksandar Stanejovic tem como destaques o brasileiro Cléo e os internacionais sérvios Ivica Iliev e Sasa Ilic. Esta formação é também possuidora dos adeptos mais fervorosos da Europa, algo que nem sempre termina bem. O guarda-redes Stojkovic, emprestado pelo Sporting, poderá também dar uma boa ajuda a esta equipa que tem no seu 4x4x2 organização e muita determinação. A equipa sérvia joga, preferencialmente, neste sistema táctico e tem no ataque, com Iliev mais solto e Cléo mais posicional, a sua grande arma para conseguir desequilibrar e causar uma pequena surpresa na edição deste ano da Champions League!

(A dinâmica ucraniana)

5 comentários:

Anónimo disse...

Não há duvida que o Braga pode mesmo passar aos oitavos, o grupo é forte claro, mas é bem possível o apuramento. Força grande Braga, estamos todos contigo!!!

Fica bem nogueira, gostei dos videos

José Torres disse...

Caríssimo Nogueira,

É com toda o gosto que passo por aqui quase diariamente, isto é um espaço com muita qualidade e que deverá ser sempre continuado, com esforço, porque só assim se consegue ir longe.

Um abraço,

José Torres

T Nogueira disse...

Olá José,

Muito obrigado pelos elogios, espero continuar a postar com regularidade e a agradá-lo com a minha forma de pensar e escrever sobre futebol.

Um grande abraço

Julian Tobar disse...

Olá Nogueira, gostei do seu blog, especialmente porque acompanho de longe o futebol português e europeu e agora com seu blog poderei estar melhor informado sob um ponto de vista futebolístico qualificado (e não pela imprensa, que fala muita besteira).

Estou torcendo pelo Braga e creio que poderá alcançar as eliminatórias porém terá de passar pelo Shaktar que é um time muito forte, contando inclusive com Douglas Costa um médio muito criativo, recentemente convocado para a seleção do Brasil.

Já adicionei seu link no meu blog, se quiser me adicione no msn e poderemos conversar melhor.
julian_tobar@hotmail.com

T Nogueira disse...

Olá Julian,

Muito obrigado, em relação à imprensa dizer muita besteira é sempre muito relativo, mas diz alguma sim!

Também já coloquei o seu blogue na minha lista.

Um grande abraço